N.A.S.A. – Strange Enough

N.A.S.A. ou North America South America, é um projeto dos Djs Zegon (um ex-Planet Hemp, que está fazendo muito sucesso nos E>U>A) e Squeak E. Clean(Sam Spiegel). O clipe traz animações de trabalhos originais muito legais de Stephan Doitschinoff, e conta com a participação dos rappers Ol’ Dirty Bastard e Fatlip, e da incrível Karen O, vocalista dos Yeah Yeah Yeahs.

Vídeos do VodPod não estão mais disponíveis.

____________________________________________________________________________________________ ____________________________________________________________________________________________

Christina Aguilera – You Lost Me

O novo clipe da Christina, mais calmo, lançado hoje, dia 22 de julho, com exclusividade no site VEVO, que infelizmente não está mais disponível para o Brasil, espero que por enquanto, vem realmente bem diferente do anterior, Not Myself Tonight, ambos do novo álbum Bionic lançado em junho.

Ao contrário de Not Myself  Tonight, em que ela mostra todas as suas facetas, aqui ela só mostra o seu lado mais “triste” e romântico, borrando toda a sua maquiagem enquanto canta uma balada ao som do piano.

Bionic não tem tido muito sucesso nas paradas, e talvez esse clipe venha para quebrar com tantas acusações e comparações entre ela e a Lady Gaga, que sinceramente não sei de onde vieram. Bem, fiquem então com You Lost Me by Christina Aguilera.

Vídeos do VodPod não estão mais disponíveis.

____________________________________________________________________________________________ ____________________________________________________________________________________________

Corinne Bailey Rae – Closer

O clipe é da música Closer que faz parte do seu segundo trabalho de estúdio, o álbum se chama “The Sea” e foi lançado em janeiro desse ano. Sobre o clipe a Corinne afirma “Eu tive um momento maravilhoso fazendo esse vídeo. O diretor Adria Petty tem ideias brilhantes…Para a cena favorita, ela escolheu o que caracteriza sua cena “Com o véu inspirado por uma capa da Vogue de 1970 por Bianca Jagger.” Vale a pena conhecer um pouco mais do trabalho da Corinne, que ficou conhecida no Brasil pela música Put Your Records On, do álbum Corinne Bailey Rae.

Vídeos do VodPod não estão mais disponíveis.

____________________________________________________________________________________________ ____________________________________________________________________________________________

The Black Eyed Peas – Missing You

Eles lançaram essa versão ao vivo, e acho que definitiva para a música Missing You, do The E.N.D. – the Energy Never Dies. É uma música muito boa e dançante. Você pode até se cansar de ouvir missing you sendo repetido inúmeras vezes, mas eu a considero uma das melhores músicas do cd, com certeza.

____________________________________________________________________________________________ ____________________________________________________________________________________________

Nelly Furtado feat. Julieta Venegas e La Mala Rodriguez – Bajo Otra Luz

O clipe é realmente engraçado, com várias trocas de figurinos, que nesse caso são fantasias. Apesar da música ser cantada pelas três, as únicas que aparecem são a La Mala e a Nelly. O clipe foi gravado em um beco em Toronto, cidade ao qual a Nelly começou sua carreira de cantora e que ela descreve como ” A cidade em que tudo acontece”. A letra é divertida, e o clipe também, vale a pena conferir o terceiro single do Álbum Mi Plan.

____________________________________________________________________________________________ ____________________________________________________________________________________________

Beyoncé – Why Don’t You Love Me?

Oque posso dizer é que de cara ela está com um estilo bem Pin-Up, arrumando a casa. Além de que a  música tem uma batida e sonoridade muito boas, uma coisa meio sunset. Mas o que achei mais interessante no clipe, foi o fato dela não ter incorporado nenhum elemento Gaga, e sim continuar com o seu próprio estilo. Tirando o fato que ela cozinha muito bem como vocês vão perceber.

____________________________________________________________________________________________ ____________________________________________________________________________________________

Lady Gaga feat. Beyoncé – Telephone

Não tenho muito o que falar. O clipe ficou bem ao estilo Tarantino, com direito aos seus famosos closes e também a pick up de Kill Bill. Quem deve estar um pouco irritada com a fama de Lady Gaga, é a Madonna, por que finalmente apareceu alguém que tenta inovar tanto quanto ela, mas cá entre nós, Madonna ainda ganha nessa briga, pelo menos por enquanto.

____________________________________________________________________________________________ ____________________________________________________________________________________________

Black Eyed Peas – Imma Be Rocking that Body

Nesse clipe, definitivamente, eles estão muito, mais muito Transformers, acho que eles amaram o filme ou sei lá. Bem, eu particularmente não gosto muito de Imma Be, então quando comecei a ouvir logo pensei “Eles podiam ter escolhido uma música melhor para fazer o clipe”. Já ia saindo da sala quando a música recomeçou no clipe, que pensei estar terminado, mas dessa vez era Rock That Body (um clipe com duas músicas |o|), a segunda música do Cd, ela sim é uma boa escolha para um single, aliás, uma das poucas, as outras, brevemente, seriam: Missing You, Party All the Time, I Gotta Feeling, Boom Boom Pow, Simple Little Melody, Don’t Bring Me Down, e os remixes de suas músicas mais antingas (de simple little melody para frente são todas músicas do cd de extras, que na minha opinião, deveriam ter saído no principal). Bem, voltando, o clipe ficou com 10 minutos e pouco de duração (será que eles queriam bater Thriller???), por que é um clipe duplo, talvez quisessem economizar na produção do outro , o que vai deixando-o um pouco monótono, uns odiaram e outros amaram, assista e tenha a sua opinião.🙂

___________________________________________________________________________________________ ___________________________________________________________________________________________

Ok Go – This Too Shall Pass (Rube Goldberg Machine Version)

clipe é composto por vários acontecimentos, como um dominó de peças variadas. Realmente deve ter dado um bom trabalho aí para a perfeita execução do clipe. Mas por outro lado, parece que eles sempre tentam chocar mais com o clipe do que com a música, e assim você até se perde às vezes. O primeiro clipe deles o Here It Goes Again foi bem legal, a música acompanhava a dinâmica do clipe. Não sei se é por que ouvi poucas vezes essa nova música ou por que não gostei mesmo. Mas apesar de tudo, o clipe ficou bem original, e bom de ser acompanhado.

____________________________________________________________________________________________ ____________________________________________________________________________________________

Skank – Noites de um Verão Qualquer

Esse clipe do Skank realmente está muito legal. Os clipes deles desse novo cd realmente estão se superando (Álbum Estandarte). Não tenho muito a falar sobre. E a propósito, pelo que lembro que ouvi falar desse clipe, os desenhos são feitos pelo próprio diretor Conrado Almada, que já tinha produzido “Sutilmente” que rendeu um prêmio no VMB, e que também já tinha feito um trabalho com a banda dirigindo “Seus Passos”. Demorou uns dois meses para o clipe ser produzido com a produção da Brokolis do Brasil. Um Stop Motion bem feito mesmo, com cenas também de um show feito com a música.

____________________________________________________________________________________________ ____________________________________________________________________________________________

Shakira – Gypsy (Gitana)

Não tão produzido quanto Did it Again (ou Lo Hecho Está Hecho), que nas primeiras vezes que assisti não gostei, pois destoava um pouco do que ela vinha fazendo e a princípio não me agradou muito, mas acabei gostando; Gypsy vem mais calmo, e a protagonista, nesse caso Shakira, traz um parceiro para lhe acompanhar no clipe, o tenista Rafael Nadal, que por sinal é bem abusado por ela. Inclusive nesses dias em que o clipe foi lançado a imprensa tem caindo em cima dos dois, dizendo que estão tendo algo devido a empolgação do clipe. Mas vi em alguma entrevista por aí que confiável, que ela só teria chamado o atleta por que ele viaja tanto quanto ela. Desculpa boa essa pra se aproveitar do rapaz.

A propósito, ignore essas frases medonhas embaixo do vídeo. Foi o único que achei pela internet.

____________________________________________________________________________________________ ____________________________________________________________________________________________

Baby – Justin Bieber

Justin Bieber fez um novo clipe. “Baby”. Realmente não tenho muito o que falar sobre. Ninguém tinha feito antes um clipe em um boliche, mas se fez, sei lá… É um garoto dando uma de galã…achei meio batido…me mate se você gostou…melhor, não me mate…E claro que em alguma parte do clipe tinha que ter um tipo de batalha de dança, já que o protagonista ainda não sabe dançar, só sabe figurar uns passinhos. E se você acha que ele sabe dançar…é por que nunca viu alguém dançando de verdade…E isso é meio essencial hoje para se fazer uma carreira pop. O clipe tem a participação do Ludacris, que dá um empurranzinho pro Justin. Adoro a parte que ele tenta dar uma gravata nele :)… nossa estou má hoje…

Confiram aí o resultado desse…clipe.

___________________________________________________________________________________________

___________________________________________________________________________________________

Alice (Underground) – Avril Lavigne

A Avril lançou o clipe Alice (Underground) por causa do filme de Tim Burton que será lançado esse ano (2010). Ela parece ter voltado a fase “roqueira” dela e abandonado a outra fase meio patricinha. As primeiras cenas dela caindo no buraco, acredito que sejam do filme, pois é algo bem idêntico ao trailler que já está circulando na internet desde o ano passado. Johnny Depp está incrível no clipe, realmente quero ver esse filme e mais uma de suas atuações. As cenas do filme também deixam uma vontade terrível de correr para ir assistir. Acho que a única coisa que não funcionou muito bem foi a Avril correndo para lá e para cá para tocar o piano.

Vejam o clipe

O filme será lançado dia 16 de abril. Mas quem sabe já adiaram ele uma vez.