As gravações do novo Cd começaram em março, sendo esse o terceiro.

Damon Albarn e Jamie Hewlett fingiram a pouco tempo em um programa de rádio, uma separação, mas em entrevista a BBC, eles falam sobre seu novo projeto que sucederá “Demon Days”, de 2005, e ainda mostraram duas demos.

“Estou indo para a Síria porque tenho fascinação pela música instrumental árabe”, afirma Damon, “Estamos indo para lá no fim de março”.

A demo que foi mostrada foi “Electric Shock”, música que já havia sido mostrada em Londres ano passado.

“Está crua e ainda não está pronta, mas espero que as pessoas gostem”, explicando que ela havia começado a escrever essa música há alguns meses, “Eu volto à mesma canção várias vezes, mas seis meses é o máximo de tempo que eu dedico a uma mesma música. Acho difícil dizer quando uma canção está terminada.”

A segunda demo foi “Broken”, “Não sei bem porque toquei essa música, já que estou deixando o Gorillaz”, brinca, “Vou me juntar a Johnny ‘Boring’ do Razorlight!”.

O Gorillaz já fez várias brincadeiras relacionadas ao Razorlight. Murdoc Niccals, o “vocalista” da banda, apresentou uma versão especial de “America” do Razorlight.

“O bom de ser Gorillaz é que você pode colaborar com qualquer pop star que quiser”, fala Niccals, “As músicas do Damon são boas, mas Razorlight é que faz música de verdade”. Finaliza.