O ex-Beatle Paul McCartney afirmou nesta quarta-feira que a protagonista de uma de suas músicas mais famosas, “Eleanor Rigby”, é uma personagem totalmente fictícia, e não foi inspirada em uma criada que trabalhava em um hospital de Liverpool, como afirma uma mulher.

“Eleanor Rigby é uma personagem totalmente fictícia que eu inventei”, disse McCartney em um comunicado divulgado por seu agente, após a descoberta de um comprovante de pagamento em nome de Rigby, que seria uma criada do hospital de Liverpool, cidade natal do ex-Beatle.

É né, até San Paul mente.