015882177-fmmp00Calma calma gente, não pensem bobagem, essa é só uma preparação para o próximo filme “Cadillac records”. O intuito da diva pop é reunir o máximo de informações possível sobre pessoas viciadas em drogas –como era o caso da cantora de soul Etta James (cara, por que os bons acabam se viciando, taí, para os cientistas que não tem muito a fazer, podiam dar uma explicação para isso, e até mesmo ajudar o caso mais recente, Amy Winehouse, ela tem que se salvar poxa) , que ela interpretará no cinema.

Após a visita, Beyoncé afirmou: “Eu nunca usei drogas na vida, então eu não sabia nada sobre isso. Aprendi muito sobre mim mesma”. A cantora já admitiu também que sua preparação para o papel teve grande influência em seu novo álbum, “I am… Sasha Fierce”. (eu não sei se é desse álbum a música if i were a boy, é boa confiram)

Mudou minha arte, mudou minha forma de olhar para tudo, a forma como escolho minhas músicas e a forma como as canto. Antes, eu era muito insegura e assustada, agora tenho mais confiança. É como se eu tivesse passado por terapia. Me sinto uma nova mulher, pronta para revelar minha verdadeira personalidade.”

Etta, atualmente com 70 anos, se transformou em sensação da música nas décadas de 50 e 60. (adoro muito ela, principalmente At last, para quem não conhece é a música da propaganda do citroen C3, com o…não sei escrever o nome dele, bem é o Jack Bauer de 24 horas)